Zoológico na China coloca animais infláveis no lugar dos de verdade

Um zoológico recém-inaugurado na cidade chinesa de Yulin, conhecida por seu festival de carne de cachorro, viralizou nas redes sociais chinesas nesta semana por colocar animais infláveis no lugar dos bichos de verdade. A propaganda do zoológico de Guishan dizia que o local tinha vivenciado uma “invasão de pinguins”, e que durante os dias 25 e 26 de novembro, teria atividades que poderiam “educar os visitantes sobre as criaturas vivas”.

Um banner mostra um avestruz, um pavão, um crocodilo e pinguins da animação Madagascar com a frase “Ir para onde neste fim de semana? Um novo zoológico acabou de abrir – venha visitar”. Quem foi ao local querendo ver animais acabou se deparando com uma situação cômica. Uma foto postada na rede social Weibo mostra seis pinguins infláveis em um lago, e, em outra imagem, um pinguim inflável solitário em uma ilha.

Outros exemplares de vida animal são galos, gansos e um aquário com uma “tartaruga da longevidade” que, supostamente, atrai sorte. Os visitantes depositaram moedas e notas ao redor do réptil. Um usuário comentou que estava maravilhado pelos “raros, selvagens animais”. Outro usuário disse: “Sim, eles até têm pinguins! Eu ri até que minha cara tivesse câimbras”. Curiosamente, em 2013, um zoológico de Henan colocou um mastim tibetano como um “leão africano”. A fraude foi descoberta quando o cachorro começou a latir.

Artigos Recomendados


×
Gatos No Face