Russo fabrica um drone caseiro e consegue voar a uma altitude de 10 quilômetros, tão alto como muitos aviões

Quão alto pode voar um drone comercial? A resposta geralmente é limitada muito por baixo não devido ao modelo e suas especificações, senão que das leis locais impostas pelas autoridades. No Brasil, por exemplo, os drones recreativos entre 25 kg e 250 gramas kg não podem voar acima de 120 metros sem um cadastro prévio, algo muito limitante devido a que a fotografia começa a ficar realmente interessante acima dos 300 metros.

As regulamentações variam da mesma forma, em maior ou menor medida por quase todo o mundo, mas na Rússia não precisam ser solenemente desrespeitadas, já que as normas não impõem uma altura máxima de vôo para os drones. Assim existe uma classe de disputa para ver quem consegue voar o drone mais alto.

Um entusiasta russo dos drones criou recentemente um modelo que pode atingir os 10 quilômetros de altitude, tão alto como muitos vôos comerciais. Denis Koryakin fabricou um drone caseiro com um peso de mais ou menos 1kg, que junto a sua câmera e instrumentos de posicionamento e controle foi capaz de atingir os 33.000 pés de altitude, ou 10.060 metros. Os vôos comerciais viajam a uma altitude entre 30.000 e 40.000 pés, o que significa que o drone voou tão alto como um avião.
O vôo do drone de Koryakin durou 25 minutos desde o momento da decolagem até a aterrissagem praticamente perfeita, após cambalear bruscamente ao superar a altura das nuvens e atingir seu ponto mais elevado. Segundo seu criador, o pequeno drone caseiro teve que suportar uma temperatura de até –50°C quando se encontrava a uns 8.000 metros de altitude. Aprenda Mad Mike!

Artigos Recomendados


×
Gatos No Face