O surpreendente poder de cura dos gatos

O poder de cura dos gatos é capaz de curar várias doenças nos seres humanas. Veja quais são essas doenças!

 

O ronronar dos gatos promove a regeneração dos músculos e dos ossos e a simples presença de um pequeno felino pode reduzir até 40% o risco de ataque cardíaco. Estes benefícios já comprovados em estudos estão agora estão reunidos em um infográfico que está fazendo sucesso na internet (e agora foi traduzido pelo Petiko).

O som do ronronar de 47 felinos (desde tigres a gatos domésticos) foi registrado através de um sofisticado equipamento capaz de interpretar a frequência dos sons.

 

A investigação foi conduzida por Elizabeth von Muggenthaler, presidente do Fauna Communications Research Institute (EUA), e publicada no “New Zealand Veterinary Journal” e teve como objetivo desvendar o poder de cura dos gatos.

O que motivou a realização dessa pesquisa foi o fato dos felinos recorrerem ao ronrom quando estão contentes e também quando estão muito feridos ou estressados, sugerindo que estes animais podem usar esse som para promover a cura.

Após a análise dos dados recolhidos, a equipa concluiu que a frequência do ronrom dos gatos correspondem às frequências que são usadas, na medicina, para tratar fraturas dos ossos, problemas musculares e de articulações.






A pesquisadora revelou que os gatos domésticos e outros felinos de pequeno porte produzem frequências entre os 25 Hz e 150 Hz, as melhores frequências para promover a regeneração de músculos e ossos.

Em outro estudo realizado, ao longo de 10 anos, pelo Centro Médico da Universidade do Minnesota demonstrou que os gatos melhoram a condição física dos doentes cardíacos. O estudo acompanhou mais de 4.000 pessoas e concluiu que os participantes que tinham gatos tinham menos 40% de risco de sofrer um ataque cardíaco.

Artigos Recomendados